Translate

segunda-feira, março 03, 2014

Delegacia de Costumes em franca mobilização contra os "engraçadinhos dos cinemas"

Em 1955, obviamente, a moral e os bons costumes eram outros, e para velar por eles existia a Delegacia de Costumes, organismo policial que, naquele momento, se ocupava em autuar e repreender os "engraçadinhos dos cinemas". Tal categoria compreendia mocinhos bonitos, jovens metidos a galanteadores baratos, alguns contando piadinhas, dizendo palavrões ou mesmo passando a mão nas moças, aproveitando-se do escurinho reinante nas salas de exibição (certamente muitos pagavam o pato e eram injustiçados pelas moçoilas vingativas). Nesta matéria do Correio do Povo o delegado de Costumes de Porto Alegre mostrava que não estava para brincadeiras. Inclusive já havia pego vários "engraçadinhos", cujos nomes - vejam só a época - foram publicados pelo jornal, inclusive com o endereço. Certamente grande parte deles já não vive mais, ou não está mais em idade de ser "engraçadinho"...

Nenhum comentário: