sábado, março 14, 2009

Hoje Gláuber Rocha estaria completando 71 anos. Michael Caine 76, Lúcio Mauro 78, e Carlos Heitor Cony 83.









Pobre verbo solto

Luis Weiss

O deslumbramento se derrama na primeira página do Globo desta sexta-feira, 13.
Sobre uma foto de bom tamanho do personagem – a única, por sinal, da página – um título que involuntariamente faz justiça à advertência de que aqueles que esquecem o passado estão condenados a repetí-lo:
“A volta do caçador de marajás”.
Se a intenção era fazer ironia, não deu para perceber. Nem no sub (“Collor aprova no Senado medidas para moralizar agências e fiscalizar o PAC”), nem no texto que remete para a matéria páginas adiante:
“Afastado da Presidência em 1992 por impeachment, o senador Fernando Collor (PTB) abriu a primeira sessão da Comissão de Infraestrutura, que preside, com medidas de moralização: criou uma comissão para fiscalizar o PAC e aprovou regras rígidas contra nomeações políticas nas agências reguladoras. Collor surgiu na década de 80 como o “caçador de marajás” de Alagoas. Na comissão, repetiu gestos imperativos que o notabilizaram no Planalto: olhos saltados e dedo em riste. E uma novidade: o nome da namorada (Caroline) tatuado no pulso e um broche com o seu rosto na lapela. A única petista da comissão, Ideli Salvatti, não estava quando foi votada a “despartidarização” das agências.”
Faltou destacar na chamada, como fizeram os outros grandes jornais, que ele deu início aos trabalhos da comissão com apenas seis minutos de atraso, às 8h36. Oh! Ah!
O Valor, por sua vez, ainda o premiou com uma citação em que ele se remete à condição da qual foi destituído por impeachment:
“A grande dificuldade de quem tem espírito do Executivo é se acostumar ao ritmo do Legislativo.” Note-se bem: “espírito do Executivo”. E “tem”, no presente. Em vez de teve, ou tinha.
A matéria do Valor (“Collor endurece regras para indicados às agências”) começa lembrando que ele era “especialista em marketing pessoal” quando ocupava o Planalto. Podia ter acrescentado entre travessões: com a pressurosa colaboração de uma imprensa embasbacada.
Também o Estado destaca na primeira página que ele “recicla velho estilo”, sob uma foto tomada de baixo para cima, o que agiganta o fotografado, carregando na mão esquerda uma penca de documentos, o mais visível deles, não por acaso, intitulado “Balanço do PAC”.
Dentro, sob outra foto, a legenda cita uma frase grandiloquente do protagonista do dia: “Serei parceiro dos interesses nacionais.”
A matéria registra que Collor “deixou claro que vai transformar [a Comissão de Infraestrutura que preside] na vitrine para não ser apenas mais um no plenário de 81 parlamentares”.
Até aí, tudo bem. Seguem-se palavras de rendição à marquetagem do ex:
“Armado de um sorriso sempre aberto, cabelos grisalhos meticulosamente penteados e gestos calculados…”. Oh! Ah!
A Folha, que o tem atravessado na garganta desde quando ele mandou invadir o jornal, foi apropriadamente frugal. Deu a menor matéria, em comparação com as da concorrência, uma foto modesta e a mais burocrática das legendas possíveis: “Collor durante reunião da Comissão de Infraestrutura”.
A ver se, nos outros jornais, se o deslumbramento persistirá. De qualquer forma, a julgar pela estréia, é assim que (re)começa.
Pobre jornalismo baba-ovo. (Coletiva.Net)

Hoje Diane Arbus estaria completando 86 anos

Diane: fotos de gente, atração pelo estranho.









Diane Arbus (Diane Nemerov, 14 de março de 1923, em New York City; d. (suicídio) 26 de Julho de 1971) foi uma fotógrafa americana, célebre por seus retratos.
Diane Arbus se casou aos 18 anos com o fotografo Allan Arbus. A temática principal de sua fotografia era "o outro lado", mais angustiado, da cultura americana. Arbus experimentou com o flash durante o dia, permitindo destacar a figura principal do fundo das fotografias.
Diane Arbus começou a fotografar com Allan, seu marido. Depois de se separar, aprendeu com Alexey Brodovitch e Richard Avedon. No início dos anos 60 deu início à carreira de fotojornalista e publicou na Esquire, The New York Times Magazine, Harper`s Bazaar e Sunday Times, entre outras revistas. Por esta altura, escolheu uma máquina reflex de médio formato Rolleiflex com dupla objectiva, em detrimento das máquinas de 35 mm. Com a Rolleiflex teria “vistas largas”, mais resolução e um visor à altura da cintura que lhe proporcionava uma relação mais próxima com o fotografado. Entram também em cena os flashes em fotografias tiradas de dia. O objectivo era separar o essencial do acessório. Duas bolsas Guggenheim (1962 e 1966) permitiram-lhe desenvolver melhor um trabalho de autor, mostrado pela primeira vez num museu em 1967 (colectiva New Documents Museum of Modern Art). Em Julho de 1971 suicidou-se tomando barbitúricos e cortando os pulsos. O catálogo da exposição retrospectiva que o curador John Szarkowski concebeu, em 1972, tornou-se num dos mais influentes livros de fotografia. Desde então, foi reimpresso 12 vezes e vendeu mais de 100 mil cópias. A exposição do MoMa viajou por todo o país e foi vista por 7 milhões de pessoas. No mesmo ano, Arbus tornou-se a primeira fotógrafa americana a ser escolhida para a Bienal de Veneza. Diane Arbus fotografou essencialmente pessoas à margem da sociedade e pessoas comuns em poses e expressões enigmáticas.
Em 2007 estréia o filme 'A Pele', com Nicole Kidman, baseado em sua vida. "Para mim o sujeito de uma fotografia é sempre mais importante que a fotografia. E mais complicado..."
*Uma pesquisa do Instituto Methodus revelou quais são os jornais e as emissoras de rádio de maior audiência no Rio Grande do Sul. O estudo, realizado em janeiro deste ano, ouviu duas mil pessoas em sete microrregiões do Estado. Das 21 publicações citadas, Zero Hora despontou no ranking com 25,1% da preferência, seguida de Diário Gaúcho, com 15,7%. O destaque também foi para o índice de não-leitores (15,5%), que, além do Correio do Povo (12,3%), superou os números obtidos por outros 18 veículos.
As rádios AM citadas com maior freqüência pelos entrevistados foram: Gaúcha (12,4%), Farroupilha (6,5%) e Guaíba (2,9%). Os jovens entre 16 e 24 anos são os que menos escutam rádio: 68%. Entre os homens, 19, 5% escutam a Gaúcha. Já as mulheres (7,8%) preferem a Farroupilha.
As três primeiras colocadas na categoria rádios FM foram Atlântida (9,4%), Cidade (5,2%) e Alegria (5,2). A pesquisa ainda constatou que 30,8% das mulheres afirmam não escutar rádio FM contra 19,4% dos homens. Quanto mais alta é a faixa etária, menor é o acompanhamento das FM.
O estudo completo sobre as rádios pode ser conferido aqui. A margem de erro é de 2,3 pontos percentuais, para mais ou para menos. (Coletiva)

sexta-feira, março 13, 2009


*A demissão da secretária executiva da Associação Riograndense de Propaganda (ARP), Ieda Lessa, na última sexta-feira, 6, gerou protestos no mercado publicitário gaúcho. Ieda ocupava o cargo há quase 40 anos. O presidente da entidade, o fotógrafo Celso Chittolina, apenas justificou a decisão da diretoria como uma “questão administrativa”, motivada também, segundo ele, por cortes de despesas. “Não foi nada pessoal e não tem nada a ver com as declarações que estão dando”, disse, sem acrescentar mais detalhes.
A demissão também atraiu duras críticas à diretoria da ARP, como a que foi escrita em carta aberta à Ieda pelo publicitário Paulo Tiaraju: “O alegre presidente sente-se autorizado a derrubar uma figura icônica como a senhora porque, afinal, ele proporcionou contribuições revolucionárias na indústria da propaganda gaúcha. (...) ele, cuja importância intelectual e institucionalidade está acima da história da propaganda, não quer a senhora na ARP.”
No histórico do site da ARP, a secretária é definida como uma “figura obrigatória e sempre presente em todos os eventos”. O texto ainda afirma que, devido a sua atuação, sempre foi alvo do carinho dos publicitários e era o elo entre todas as diretorias e o mercado. “Sempre atuante, mantém o mesmo interesse juvenil por tudo o que diz respeito à ARP. Seu dinamismo e dedicação a todos impressiona.” (Coletiva.Net)
» Leia aqui o protesto de Paulo Tiaraju.
*A Faculdade de Comunicação Social da PUC (Famecos) iniciou o ano letivo com mudanças na estrutura e no corpo docente. Os cursos de Jornalismo, Publicidade e Propaganda e Relações Públicas contarão, a partir deste semestre, com 14 novos professores. “Teremos docentes com o perfil da pesquisa acadêmica e protagonistas de expressivas carreiras no mercado”, avalia a professora Mágda Cunha, diretora da Famecos.
Além disso, todas as salas de aula da Famecos terão equipamentos multimídia, como computador, projetor, telão e alto-falante. Em abril, a faculdade lançará também um novo conceito de laboratório para os cursos de Comunicação. O objetivo da Famecos é potencializar os conhecimentos e as práticas das distintas áreas que compõem a formação dos alunos. (Coletiva)
Renata Vasconcelos, apresentadora do Bom Dia Brasil da TV Globo.
*Profissionais da rede de hotéis e restaurantes da Capital poderão participar na quinta-feira, 19, do programa "Dicas Turísticas de Porto Alegre para a Hotelaria e Gastronomia". O primeiro encontro do ano acontecerá no auditório do Centro de Qualificação Empresarial do Sindicato de Hotelaria e Gastronomia de Porto Alegre (SindPoa), na Rua Barros Cassal, nº 180, conj. 801. Haverá duas turmas, uma no turno da manhã, das 7h45 às 12h, e a outra à tarde, das 13h45 às 18h. Inscrições e informações pelo fone 3225-3300. A iniciativa visa a capacitar os profissionais do setor sobre os atrativos, serviços e alternativas de lazer na cidade, ampliando e atualizando as informações para que possam prestar informações qualificadas ao público, em especial aos turistas. Na programação está incluída palestra com a equipe técnica do Serviço de Atenção ao Turista (SAT) da Secretaria Municipal de Turismo (SMTUR) e, após, passeio técnico no city tour Linha Turismo. Em caso de chuva, o passeio ocorrerá em outro atrativo, como o Museu de Tecnologia da PUCRS ou o Museu Iberê Camargo.Este será o primeiro encontro do programa neste ano. Iniciado em 2007, em uma parceria entre a SMTUR e o SindPoa, já capacitou mais de 390 profissionais que atuam no contato direto com o público, além de guardas municipais e taxistas.As inscrições são gratuitas e devem ser feitas pelas empresas do setor diretamente no SindPoa até terça-feira, 17, com Cristiana, através do telefone 3225-3300 ou pelo e-mail projetos@sindpoa.org.br
*A contratação emergencial de professores para a Rede Municipal de Ensino (RME) estará finalizada até o dia 20 de março. Serão chamados 159 profissionais, que garantirão o ensino enquanto os concursados não podem ser efetivados. O chamamento foi iniciado a partir da constatação da carência de educadores em sala de aula. Foi realizado concurso em janeiro deste ano, mas a efetivação dos aprovados só poderá ocorrer em meados de 2009.
"Não podemos deixar nossos alunos sem aula por meio ano, por isso estamos agindo de maneira emergencial", esclarece a secretária de Educação, Cleci Jurach. As contrações podem se estender a até 120 dias. Após esse período, serão encerradas automaticamente. O prazo é suficiente para a finalização do processo de homologação dos nomes aprovados no concurso. Os contratos temporários serão encerrados a medida em que os concursados forem efetivados.
Uma solicitação de proibição da contratação foi solicitada ao Ministério Público, que não aceitou o pedido. O tema foi debatido em reunião no gabinete da Smed no início de março, com a Associação de Trabalhadores em Educação do Município de Porto Alegre (Atempa), que trouxe sua preocupação com os contratos temporários e teve suas dúvidas esclarecidas pela secretária.
*A Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Smam) promove na próxima segunda-feira, 17, nova edição do curso de educação ambiental voltado para os devedores ambientais que entraram em acordo com a secretaria. O acordo estabelece o pagamento de 10% do valor total da multa, somado à compensação dos danos ambientais causados e, como última etapa de cumprimento do termo de compromisso de Ajustamento de Conduta Ambiental, a participação no curso.
A aula é organizada pela bióloga Jaqueline Maciel, coordenadora do Centro de Educação Ambiental da Smam, juntamente com a equipe do setor. “Nosso objetivo é sensibilizar essas pessoas quanto à questão do meio ambiente e também informar quanto à sistemática da Smam e legislação”, explica Jaqueline.
*Está publicada na edição de hoje do Diário Oficial de Porto ALegre (Dopa) a lista de oficineiros selecionados para os projetos da Coordenação de Descentralização da Secretaria Municipal da Cultura (SMC) para o ano de 2009 (veja a listagem completa no box abaixo). Os selecionados atuarão de abril a novembro, nas 17 regiões do Orçamento Participativo na Capital.
Segundo Lutti Pereira, Coordenador da Descentralização, a disputa está cada vez mais acirrada, e justifica com o registro de 270 inscritos para 60 vagas. Participaram da seleção pessoas físicas ou jurídicas - no Caso da Inclusão cultural - nas áreas de dança, vídeo, fotografia, música, literatura, artes plásticas, hip-hop, teatro, confecção de instrumentos de percussão com materiais recicláveis, capoeira, comunicação comunitária-rádio, jornal, fanzine, terceira idade, acessibilidade e inclusão cultural.
No próximo dia 23 de março, às 10h, na Sala P.F.Gastal, do Centro Cultural Usina do Gasômetro será realizada a reunião dos oficineiros selecionados com a Coordenação do Projeto. Outras informações podem ser obtidas na Coordenação de Descentralização da Cultura pelo telefone 3289-8114 e 3289-8118 ou ainda pelo e-mail descentralização@smc.prefpoa.com.br
Os selecionados, por área de atuação:Artes Plásticas:Carine BetkerEdson Marcio QueirozJorge PintoHeloisa da Silva FrancoLia Letícia Ferreira LeiteLuisa Gabriela SantosNaia Medianeira Messerlian La BellaCapoeiraAdélia Kervalt Costa AttiAri Rodrigues FilhoEdson Cerqueira FriasEmerson Tadeu da Silva SantosMaíra Lopes de AraújoOnílio Rodrigues da Silva JúniorRoberto Costa de ÁvilaComunicação Clarissa Azevedo da SilveiraLetícia Guimarães AraújoRenata Poliseni MirandaDança Alexandre RittmannAline Karpinski Carlota Christina Macedo de AlbuquerqueDaniela Giffoni SoaresEva SchulLetícia ParanhosMarilice Bastos GuimarãesRoberta Savian da RosaThais Regina Villanova PetzholdHip HopEdson Renato G. FerrazFernando Walter Faleiro Flávia Cristina Machado da SilveiraLucas Stuczynski da SilvaLuiz Augusto AlencarInclusão CulturalAssociação Cultural Depósito de TeatroAssociação Cultural e Beneficente Ilê MulherAssociação Povo da RuaSociedade Afro-TchêSociedade OdomodêLiteraturaAndréa Terra LimaDeivis Vânio LopesDiego Castilhos PetrarcaMarcelo Simões NogueiraTelma SchererMúsicaAdriana Souza da Silveira Álvaro Francisco (Chiquinho)Dejeane Rodrigues ArrueeGrasiela MüllerJorge Maximiliano MartinsKleber Garcia DornelesMarcos Machado ChavesPedro Fernando Acosta da RosaSimone Conceição da SilvaTeatro Jaqueline PinzonMarcio Silveira dos SantosMariana Pinto Vieira VellinhoSandra Pimentel LoureiroFotografiaAbel Borba PereiraFernanda RechenbergMariane RotterPaula de Oliveira BiazusVídeo Ronaldo de M. RuduitVirginia Costa LimaOutrosJorge Luiz Vieira FoquesRenata Nascimento
*A comunidade passa a ter acesso gratuito às escavações arqueológicas na Igreja Nossa Senhora das Dores sempre na última terça-feira de cada mês, às 10h. A visita inaugural ao sítio arqueológico está sendo realizada na manhã de hoje, 13, por autoridades e imprensa. A pesquisa no local é de especial interesse para a cultura material de Porto Alegre, uma vez que a construção da igreja começou em 1807.
A empresa EPT, contratada pela prefeitura e Programa Monumenta para restaurar a Igreja das Dores, iniciou a escavação arqueológica em setembro do ano passado. O material até agora encontrado foi catalogado e limpo. A prospecção continua no quintal lateral da igreja.
A análise do material encontrado revelará hábitos dos portoalegrenses no século XIX. Até agora foram encontradas louças, moedas, frascos, objetos litúrgicos e do dia-a-dia. Foi descoberto que embaixo da escadaria ficava estacionado o carro fúnebre da igreja, que pertencia à Irmandade de São Francisco, utilizado à época.
Monumenta - O Monumenta é um Programa do Ministério da Cultura realizado em parceria com a prefeitura, com recursos provenientes de empréstimo do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), e que envolve 27 centros históricos tombados, em nível federal, em todo o território nacional. Começou a ser executado em Porto Alegre em fevereiro de 2001 e prevê a restauração de até 170 imóveis públicos e privados em uma área de 24,5 hectares no centro da cidade.
Do total de recursos investidos, 70% são repassados a fundo perdido pelo BID por intermédio do Ministério da Cultura. Os 30% restantes são aportados como contrapartida pelo município, estado ou iniciativa privada.
Atividades do Projeto Monumenta em andamento
Obras de restauração em prédios públicos e religiosos
1. Museu de Arte do Rio Grande do Sul, Praça da Alfândega, s/n°;2. Memorial do Rio Grande do Sul, Rua Sete de Setembro, 1020;3. Pórtico Central do Cais do Porto, Avenida Mauá, s/n°;4. Palácio Piratini, Praça Marechal Deodoro, s/n°;5. Biblioteca Pública, Rua Riachuelo, 1190;6. Museu de Comunicação Social Hipólito José da Costa, Rua dos Andradas, 959;7. Igreja Nossa Senhora das Dores, Rua dos Andradas, 630;8. Pinacoteca Ruben Berta, Rua Duque de Caxias, 973.
Obras de qualificação em espaços públicos
1. Praça da Alfândega, Avenida Sepúlveda e Cais Mauá;2. Rua General Câmara;3. Praça da Matriz.

*A Fundação Zoobotânica do RS registra dados positivos, em 2008, quanto ao número de visitantes, nascimentos e melhorias na área do Parque Zoológico.
Levando em consideração que o número de visitantes pagantes em 2008 foi de aproximadamente 450 mil pessoas e, que neste total, não estão computados os visitantes isentos – menores até 12 anos - este número é acrescido de aproximadamente 90 mil, totalizando um público visitante de 540 mil pessoas, o que representa um acréscimo de 20% em relação a 2007. Segundo acompanhamento do Setor de Atendimento ao Público do Parque, a grande maioria das pessoas que visitam o Zoológico são provenientes dos municípios limítrofes, mas há registro de visitantes de todo o Rio Grande do Sul, e de outros Estados. Além do ingresso ter um preço bastante reduzido, portanto acessível à população de baixa renda, o Parque oferece uma taxa simbólica para entidades de ensino e assistenciais, constituídas, na sua maioria, de crianças que recebem isenção por terem idade dentro da faixa de não pagantes.
Quanto ao acervo, o Zôo registrou, em dezembro de 2008, um total de 1097 animais, sendo que 330 mamíferos, 622 aves e 145 répteis. Destes, 48 são espécies exóticas e 96 nativas. Conforme levantamento realizado, o acervo do Zoológico está valorado em R$ 1.178.500,00 (hum milhão, cento e setenta e oito mil e quinhentos reais).
Tendo em vista que a qualidade na alimentação e dos recintos é fundamental quando do nascimento de animais, os 212 registros de filhotes, que aumentaram o acervo do Zôo em 2008, ratificam o trabalho que vem sendo realizado pelos funcionários que atuam no Parque. Importante salientar que do total de nascimentos, 107 foram de cisnes, sendo que 82 de cisnes-de-pescoço-preto e 25 de cisnes-negros.
Para reduzir os custos de manutenção dos animais, o Parque dispõe de lavouras destinadas à produção de forragem que ultrapassou, no ano passado, 300 mil kg, representando a distribuição de uma média de mil kg de forragem verde por dia.
Enquanto espaço de educação ambiental, o Parque vem realizando um trabalho nesta área, com o objetivo de conscientizar o público visitante, principalmente estudantes, sobre a importância da preservação da fauna, seja nativa ou exótica. Neste sentido, em 2008, foram atendidos mais de sete mil alunos, e cerca de 20 mil pessoas visitaram o mini museu, espaço instalado junto ao Setor de Educação Ambiental do Zôo. Cabe destacar o Projeto A Hora do Bicho, iniciado em 2004 visando apoiar a campanha de coleta seletiva do lixo realizada no Parque e também para divulgar os animais que compõem o acervo do Zoológico. Já o Projeto Zoomania, realizado com crianças em dois hospitais de Porto Alegre - São Lucas da PUC e da Criança Santo Antônio, além dos aspectos educativos que ele contém, objetiva levar em consideração o papel social que a Fundação Zoobotânica tem em todas as ações que desenvolve, focadas sempre na melhoria de qualidade de vida da sociedade gaúcha.
O Parque Zoológico está situado entre os municípios de Sapucaia do Sul e São Leopoldo, às margens da BR 116, ocupando, pela sua dimensão geográfica, lugar de destaque em termos de Brasil, já que se estende por 780 hectares. Dessa extensão de área, 160 hectares são ocupados pelo espaço efetivamente utilizado por prédios e instalações do Zoológico e área de visitação e 620 que representam uma das mais importantes reservas florestais da Grande Porto Alegre, denominada Reserva Florestal Padre Balduino Rambo. Esta Reserva é caracterizada por uma cobertura vegetal constituída de antiga mata de eucaliptos, que paulatinamente está dando lugar a uma floresta de espécies nativas que nascem espontaneamente, acrescidas de muitas espécies que vêm sendo introduzidas ao longo dos anos. Parte desta área chega até as margens do Rio dos Sinos e é formada por banhados e matas.
O Parque Zoológico do Estado é, na verdade, um dos maiores estabelecimentos do gênero em todo mundo, havendo menos de dez que o superam neste particular.



____________________________
O que: Parque Zoológico da Fundação Zoobotânica do RS
Onde: BR 116, entre os municípios de Sapucaia do Sul e São Leopoldo.
Horário de visitação: de 3ª feira a domingo, das 8h30 às 17h.
Ingressos: R$ 4,00 (adulto); R$ 2,00 (estudante); R$ 20,00 (automóvel); R$ 9,00 (moto); R$ 140,00 (ônibus)
Informações: 0xx.51.3474.1499
Site: www.fzb.rs.gov.br.
*Políticas de saúde, gestão na assistência farmacêutica, vigilância em saúde e uso racional de medicamentos estão na pauta do novo curso de especialização da Faculdade de Farmácia da PUCRS, "Assistência Farmacêutica". As aulas serão quinzenais e começam no dia 8 de maio, às sextas-feiras à noite e aos sábados pela manhã e tarde. A atividade é voltada a profissionais de farmácia, médicos, enfermeiros, dentistas e nutricionistas, e aborda temas relacionados a integralidade em saúde, vigilância e atenção na área, metodologia da pesquisa, ética e princípios da farmacoterapia.
As inscrições estão abertas até 3 de abril e podem ser feitas no site www.pucrs.br/farmacia. Outras informações pelo telefone (51) 3320-3933.
*A Faculdade de Educação Física e Ciências do Desporto (Fefid) está com inscrições abertas para o curso de extensão "Jogando na PUCRS - Futebol Feminino". As aulas ocorrerão a partir do dia 21 de março, aos sábados, das 14h às 16h, no Parque Esportivo da Universidade (avenida Ipiranga, 6690 - Porto Alegre).
Podem participar alunas, funcionárias, professoras e demais interessadas, que tenham, no mínimo, 15 anos. Nas aulas, que irão até 18 de julho, serão trabalhadas vivências práticas das regras do futebol e do futsal, fundamentos técnicos como chute, passe, condução, domínio e marcação, treinamento de goleiro, orientação tática no futebol e no futsal, movimentação defensiva e ofensiva e sistemas de jogo no futebol e futsal.
Inscrições na Pró-Reitoria de Extensão, sala 201 do prédio 40, no Campus Central da Universidade (avenida Ipiranga, 6681 - Porto Alegre). Outras informações pelo telefone (51) 3320-3680.
*A antiga FarmáciaEscola, localizada no prédio 12B do Campus Central da PUCRS (avenida Ipiranga, 6681- Porto Alegre), passou a se chamar "Farmácia Universitária". Para marcar a mudança também alterou sua identidade visual. Vinculada à Faculdade de Farmácia (FFAR), participa do Programa de Extensão da Farmácia Popular, do Governo Federal, em parceria com a Rede Panvel.
O Programa oferece alguns medicamentos para hipertensão, diabetes e anticoncepcionais com até 90% de desconto. Para a compra, é necessário apresentar receita médica e CPF do paciente. Na compra de medicamentos e produtos em geral os alunos, professores e técnicos-administrativos da PUCRS têm 10% de desconto.
A Farmácia Universitária continua com a campanha de coleta de medicamentos, que recebe remédios vencidos ou que não são mais utilizados com a intenção de conscientizar os usuários e evitar os problemas decorrentes do seu uso ou descarte inadequado. O funcionamento é de segunda a sexta-feira, das 7h30min às 22h, e aos sábados, das 8h às 13h.
*O Parque Esportivo da PUCRS oferece quadras para locação, como as poliesportivas, de tênis, squash, paddle, de areia e campos de futebol. O Parque é um moderno complexo para a prática de esporte, edificado com base em padrões internacionais de qualidade e as mais avançadas técnicas de construção. Destinado à prática de diversas modalidades, conta com uma excelente estrutura, ancorada em duas edificações principais: o prédio poliesportivo e o estádio universitário.
Para integrantes da comunidade acadêmica o valor é diferenciado. Informações adicionais no site www.pucrs.br/parqueesportivo ou pelo telefone (51) 3320-3622.
*Adultos que tenham interesse em realizar alguns dos sacramentos da iniciação cristã como o batismo, crisma ou eucaristia, têm até o dia 8 de abril para se inscrever no projeto "Creio em Ti - Iniciação para os Sacramentos". O Centro de Pastoral e Solidariedade da PUCRS realiza encontros semanais de preparação, às segundas-feiras, das 12h às 13h; terças-feiras, das 18h às 19h e quintas-feiras, das 18h20min às 19h20min. Podem participar alunos, professores, técnico-administrativos e diplomados pela Universidade. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo site www.pucrs.br/pastoral/inscr-creio-ti.php. Outras informações pelo telefone (51) 3320-3500, ramal 4027, ou na página citada.
*O gato-do-mato-pequeno (Leopardus tigrinus) e o gato-do-mato-grande (Leopardus geoffroyi) se cruzam e geram descendentes férteis. Os pesquisadores buscavam respostas sobre a distribuição das duas espécies quando depararam com animais que não se encaixavam em nenhuma, tinham uma pelagem mais parecida com os L. tigrinus e o tamanho dos L. geoffroyi. A equipe do Laboratório de Biologia Genômica e Molecular, liderada por Eduardo Eizirik, coordenador do Programa de Pós-Graduação em Biologia Celular e Molecular da PUCRS, constatou tratar-se de híbridos ao analisar o seu DNA. O estudo foi publicado no periódico norte-americano Molecular Ecology.
Não se sabe quando a miscigenação começou, mas ocorre há várias gerações, pois esses carnívoros têm heranças diferentes (se fosse recente, as informações genéticas seriam de 50% de cada espécie). A grande questão, segundo Eizirik, é se o fenômeno ocorre naturalmente, a partir de uma expansão demográfica de um ou dos dois grupos no Rio Grande do Sul, ou se resulta do impacto do desmatamento e agropecuária. Os dois gatos-do-mato descendem de um ancestral comum e se separaram evolutivamente há cerca de um milhão de anos. O gato-do-mato-grande ocupa da Bolívia ao Sul do continente, e o pequeno ocorre do Norte da Argentina e o Sul do Brasil até o Sul da Costa Rica (com aparente descontinuidade na Bacia Amazônica). As duas espécies coincidem no Estado na estreita faixa central, onde aparecem os híbridos. Na Metade Norte está o grande e na Sul, o pequeno. "Os híbridos ficam numa zona de interfaces, de encontro de faunas e floras, no Centro do Estado", explica Eizirik. Especula-se que eles cruzam entre si e com as outras duas espécies originais.
O resultado se baseou em amostras de animais coletadas por 15 anos. Foram identificados como L. tigrinus 119 e L. geoffroyi, 78. Os híbridos somaram 60% do total. Os materiais são de animais em cativeiro com procedência geográfica estabelecida e outros capturados por pesquisadores colaboradores. O trabalho teve participação do professor Sandro Bonatto. Tatiane Trigo, colaboradora do laboratório da PUCRS, realizou mestrado e doutorado no tema pela UFRGS, coorientada por Eizirik. Por suas análises de DNA, foi possível diferenciar um indivíduo do outro e associá-lo à população a que pertence. Alexsandra Schneider conclui dissertação no mestrado em Zoologia na PUCRS, investigando esse processo de hibridação usando sequências de DNA de vários genes com características distintas. A maioria dos animais identificados como puros ou híbridos na tese de Tatiane foi confirmada na dissertação. O estudo de Alexsandra consegue distinguir melhor as duas espécies. Isso não é tão simples porque estão relacionadas devido à ancestralidade comum.

Fatos Históricos do dia 13 de Março

Em 13 de março de 1933, o doutor Joseph Goebbels foi nomeado para o recém-criado Ministério da Propaganda do III Reich. A partir daí, todo espaço que circundava os cidadãos deveria ser preenchido pelas mensagens, slogans e símbolos do partido nazista de Adolf Hitler.
1325 - Tenochtitlan, a capital do Império Azteca, é fundada.
1781 - O astrônomo William Herschel descobre o planeta Urano.
1820 - OS jesuítas são banidos do império russo.
1881 - O czar Alexander II da Rússia é assassinado por radicais que exigem um governo constitucional.
1917 - Durante a Revolução Russa, Kerenski reúne o Conselho Executivo, que concorda em pedir a abdicação do czar.
1979 - Começa a vigorar o Sistema Monetário Europeu.
1984 - A Argentina pede a desmilitarização das ilhas Malvinas e expressa sua preocupação pela instalação de elementos nucleares no arquipélago.
1986 - A sonda espacial Giotto se aproxima a menos de 500 quilômetros do núcleo do cometa Halley.
1992 - Um terremoto na Turquia deixa 570 mortos.
1997 - Um avião militar se choca contra uma montanha no Irã matando todas as 88 pessoas a bordo.
2004 - Três britânicos libertados após três anos presos na base americana de Guantánamo denunciam terem sido torturados o obrigados a assinar confissões falsas por seus carcereiros. (Fonte: Terra)






Aniversariantes do dia 13 de Março

Hoje José Mojica Marins, o Zé do Caixão, completa 73 anos. João Gordo faz 45. Neil Sedaka faz 70. Fito Paez faz 46. E Vampeta festeja 35 anos.














quinta-feira, março 12, 2009

*Estudantes de Jornalismo não gostam de ler jornais. É o que revela uma pesquisa realizada na australiana Queensland University of Technology. Segundo o estudo, 90% desses acadêmicos preferem a TV e a Internet como fontes de noticias. Entre os argumentos utilizados pelos jovens, estão os de que os jornais são pouco práticos, desmontam e de que é preciso pagar por eles. Os alunos reclamam também dos textos longos e da falta de ferramentas de busca e, acima de tudo, queixam-se da tinta nos dedos.
De acordo com as informações publicadas pelo Blue Bus, os estudantes pesquisados acreditam que os jornais terão fim, mas que isso levará tempo. (Coletiva.Net)
*O Tribunal Superior do Trabalho (TST) definiu que as empresas poderão ter acesso ao e-mail corporativo de funcionários sem que estejam violando a privacidade do empregado. O entendimento foi adotado pela 7ª Turma do TST que negou o pedido de reparação por dano moral feito pelo ex-empregado da Esso Brasileira de Petróleo Ltda, Otto Rheinschmitt, que teve o e-mail investigado pela chefia. Segundo o órgão, se o trabalhador quiser sigilo garantido de suas informações, deverá criar um e-mail pessoal.
O ex-analista de suporte ao cliente prestou serviço por 16 anos à Esso até ser demitido, em março de 2002. Rheinschmitt alegou, na Justiça Trabalhista, que "a empresa só poderia verificar o conteúdo dos seus e-mails se tivesse uma autorização judicial". A Esso, por sua vez, afirmou ter investigado o e-mail, pois suspeitava que o empregado enviava mensagens pornográficas e de piadas, o que não era compatível com o uso do correio eletrônico fornecido como instrumento de trabalho.
O trabalhador perdeu a causa na 15ª Vara do Trabalho de Curitiba e, depois, no TRT da 9ª Região do Paraná. No recurso de revista ao TST, o empregado insistiu ter havido "quebra de sigilo da sua correspondência", o que lhe garantiria indenização por danos morais. Segundo o relator do processo, ministro Ives Gandra Martins Filho, "se o meio de comunicação é o institucional, não existe violação de sigilo de correspondência pela própria empresa".
Nessas condições, o empregado não tem direito à indenização. Durante o julgamento, o ministro Pedro Manus lembrou que “o e-mail protegido constitucionalmente é o pessoal”.
Mariana Ferrão, jornalista.
*A Secretaria Municipal da Produção, Indústria e Comércio (Smic) receberá inscrições dos candidatos para o sorteio de seleção de 16 vendedores para comercializar lanches e outros tipos de alimentos na Praça de Alimentação do Baile da Cidade. Comemorativo ao aniversário de Porto Alegre, o evento será realizado no Parque da Redenção, no dia 28.
Os interessados deverão se inscrever na próxima quarta-feira, 18, das 9h às 12h e das 14h às 17h, no setor de Supervisão de Economia Solidária da Smic, localizado na Avenida Osvaldo Aranha, 308, Sala 16, Bairro Bom Fim. No local, estarão disponíveis o regulamento e a ficha de inscrição.
Já o sorteio de classificação será no dia 20, às 10h, no auditório da Smic, na Avenida Osvaldo Aranha, 308. O edital será pulicado amanhã, 12, no Diário Oficial de Porto Alegre. Informações: 3289-4713 e 3289-4712.
Documentação necessária:
• Ficha de Inscrição preenchida e assinada pelo Titular e pelo(s) auxiliar(es).• Original e cópia do documento de identidade e do CPF do Titular e do auxiliar(es).• Original e Cópia do Certificado de participação na palestra sobre higiene de alimentos fornecido pela SMS/Equipe de Vigilância em Alimentos, com data posterior a janeiro de 2005, para o Titular e o auxiliar(es).• Licenciamento da Saúde para Produção Caseira de alimentos, expedido pela CGVS/SMS. • Comprovante de residência na cidade de Porto Alegre (da pessoa ou cônjuge, pai ou mãe, com prova documental).

*O Telecentro de Formação de Monitores abriu inscrições para o curso Informática Básica e Inclusão Digital. Serão cinco turmas, nos turnos da manhã e tarde, incluindo horário especial para idosos. A iniciativa é do programa Telecentros, da Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Segurança Urbana (SMDHSU), em parceria com a Fundação Pensamento Digital. Inscrições devem ser realizadas das 8h30 às 18h, no telecentro de Formação (rua João Alfredo, 607, bairro Cidade Baixa).
A média mensal de alunos formados no telecentro de Formação é de 41 pessoas. As aulas começam dia 20, de segunda a quinta-feira. São duas turmas de manhã e três à tarde. Segundo a coordenação do programa, a média de acesso à Internet, em horários livres, é de 376 usuários por mês. Aos estagiários das unidades também é exigido o curso de formação em informática. O objetivo é capacitá-los a ensinar noções básicas de informática aos usuários das unidades.
Atualmente há 36 telecentros em funcionamento na Capital, reunindo ao todo cerca de 400 computadores. A manutenção dos equipamentos e a conexão com a rede de fibra óptica são responsabilidade da Empresa de Tecnologia da Informação e Comunicação de Porto Alegre (Procempa). O calendário dos cursos gratuitos de informática nos outros telecentros está sendo definido conforme a necessidade de cada região.
Programa Telecentros - O objetivo é promover a inclusão digital de pessoas sem acesso às novas tecnologias da informação. Os telecentros funcionam em parceria com a comunidade e apoio de empresas privadas. O Plano de Inclusão Digital, com telecentros em diferentes pontos da cidade, promove iniciação à informática e oferce noções de cidadania, além de orientações sobre o bom uso de ferramentas como a Internet.
Os telecentros estão incluídos no Programa Segurança Cidadã, coordenado pela Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Segurança Urbana (SMDHSU). O objetivo é retirar os jovens das ruas e combater a violência e a criminalidade por meio da inclusão digital.
Cursos de Informática Básica/Inclusão Digital
Manhã Terceira idade: 9h as 10h30, segunda e quarta-feira,Básico (todas idades): 10h as 11h30, terça e quinta-feira.
TardeTerceira idade: 16h as 17h30, segunda e quarta-feira,Básico 1 (todas as idades): 13h30 as 15h, terça e quinta-feira,Básico 2 (todas as idades): 16h as 17h30, terça e quinta-feira.

A Farra acontece na Usina do Gasômetro.
*Pessoas que queiram expressar-se através do teatro, atores, bailarinos e estudantes de teatro, maiores de 16 anos, podem se inscrever para a Farra de Teatro 2009, que irá acontecer em 29 de março (domingo), das 10h30 às 15h, no pátio da Usina do Gasômetro. A Farra é uma atração rara em que cerca de 70 artistas interagem com a direção de Roberto Oliveira. A ficha de inscrição e os detalhes no site http://www.depositodeteatro.com.br/.
A Farra de Teatro foi inspirada na Farra dos Atores criada pelo diretor carioca Márcio Vianna, já falecido e foi apresentada em 1995, dentro da programação do Porto Alegre em Cena. Na ocasião, perto de 40 atores porto-alegrenses participaram do acontecimento.
A atividade propõe uma maratona teatral que se inicia direto nos ensaios de um espetáculo de teatro – onde se cria e ensaia cenas previamente preparadas – que culmina numa apresentação de mais de quatro horas de duração, onde um elenco numeroso estabelece um gigantesco acontecimento teatral. As cenas são representadas numa ordem determinada exclusivamente pelo diretor e comandada por códigos musicais.
Na Farra de Teatro alternam-se as grandes cenas de conjunto, nas quais todo o elenco participa, com cenas íntimas estabelecidas por um ator que entra em contato direto com uma pessoa que ele escolhe na massa que forma a platéia.

*A Secretaria Municipal do Meio Ambiente (Smam) divulga, com base em análise realizada pelo Departamento Municipal de Água e Esgotos (Dmae), que todos os pontos das praias do Lami e Belém Novo estão próprios para banho neste final de semana, 14 e 15 de março.
O conceito de balneabilidade está definido na Resolução 274/2000 do Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama). Considera-se própria para banho a água que, ao ser analisada, apresente, num conjunto de cinco amostras coletadas, apenas uma amostra com mais de 800 coliformes fecais por 100 mililitros.
Confira os pontos:Praia do LamiPosto 1 (Extremo Sul) - águas próprias para banho.Posto 2 (em frente à Rua Luis Feula) - águas próprias para banho.Posto 3 (em frente à Rua José Bernardes) – águas próprias para banho.Posto 4 - águas próprias para banho.
Praia de Belém NovoPosto 1 (Leblon) - águas próprias para banho.Posto 2 (próximo ao antigo Restaurante Poletto) - águas próprias para banho.Posto 3 (Veludo) - águas próprias para banho.
Mais esclarecimentos podem ser obtidos no Programa Guaíba Vive pelo telefone 3289-7515, ou e-mail guaibavive@smam.prefpoa.com.br

*Estão abertas as inscrições para o primeiro curso de formação de professores ecoeducadores do Programa de Manejo de Educação Ambiental da Unidade de Conservação da Reserva do Lami, que será realizado no dia 26 de março, das 9h às 17h. As inscrições podem ser feitas pelo telefone 3258-1314.Dirigido a professores, o projeto tem como um dos principais objetivos qualificar as visitas orientadas à reserva e informar o público alvo da importância das unidades de conservação e o relevante papel que desempenham na conservação da biodiversidade. Implantado em 2005, envolve instituições de ensino e pesquisa na promoção da conscientização para a preservação da natureza e práticas sustentáveis.
A gerente da Reserva Biológica do Lami José Lutzenberger, Patrícia Witt, salienta que as secretarias de educação de Porto Alegre e do estado já foram informadas do programa que ocorre uma vez por mês, durante o período do ano letivo, de março a dezembro. A Reserva Biológica do Lami José Lutzenberger é a única no país a ser administrada por uma prefeitura e abriga espécies de flora e fauna raras e ameaçadas de extinção.

Foto de Henri Cartier-Bresson.
*O Centro Municipal de Dança abriu inscrições para as turmas deste ano. Os selecionados farão parte de um programa gratuito de formação continuada em dança. Cada aluno deve cumprir uma carga horária mínima de 15 horas por semana. Serão ministradas aulas de balé, dança contemporânea, jazz, sapateado e atelier coreográfico, além de palestras, debates e sessões de vídeo. Ao longo do ano, estão previstas mais de 400 horas de atividades.
O projeto teve início em 2007 e mais de setenta alunos já passaram pelo programa. No primeiro ano, os alunos criaram o exitoso espetáculo Follias Fellinianas. Em 2008, duas novas produções estiveram nos palcos: Eu me faço simples por você e Ou algo assim que me intrigue.
“O projeto vem atingindo seus objetivos e fomentando a prática diária em dança, uma formação integrada e a vivência no palco como intérpretes”, destaca o diretor do Centro de Dança e idealizador do projeto, Airton Tomazzoni. Segundo ele, muitos alunos oriundos do projeto têm integrado o elenco de outras companhias da cidade, criado seus próprios trabalhos coreográficos e até intercâmbio com escolas de dança na Áustria e Alemanha.
Entre os professores que integraram o projeto o projeto contou com nomes de importantes profissionais, como Eva Schul, Alexandre Rittman, Tatiana da Rosa, Daggi Dornelles, Luciana Paludo, Liane Venturela, Cibele Sastre, Silvia Canarim e Carlos Nunes.
Interessados devem enviar carta de intenção, dados pessoais e breve currículo para o e-mail centrodedanca@smc.prefpoa.com.br, ou remetar as informações para a Avenida Erico Veríssimo, 307. Os pré-selecionados devem participar de aula aberta dia 25 de março, no período da tarde. As inscrições terminam dia 23.
*Uma nova etapa de revitalização da Praça XV será iniciada hoje, 12, com a assinatura, pelo prefeito José Fogaça, do Termo de Aditamento do Contrato de Permissão de Uso que formaliza a nova parceria entre o município e os atuais permissionários do Chalé da Praça XV. A solenidade ocorrerá às 18h no Chalé, com a presença do empresário Edemir Simonetti, do grupo Variettá, que administra o estabelecimento desde 2002.
O Termo de Aditamento, processo que teve a participação de 11 secretarias municipais e foi aprovado na Câmara Municipal, permitirá a restauração do patrimônio tombado e a completa modernização das instalações do conjunto, qualificando os espaços e os equipamentos e aumentando em 50% a capacidade de atendimento do Chalé. Será construído um novo salão com cafeteria, além da criação de deques externos e da liberação do terraço e segundo piso para uso exclusivo de mesas. O projeto prevê especial integração entre o Chalé e a Praça XV, incentivando o uso cotidiano pela população e turistas, com melhorias nas condições de manutenção e segurança, especialmente à noite.
Revitalização - A parceria integra as ações do programa estratégico Viva o Centro, coordenado pela Secretaria do Planejamento Municipal (SPM), responsável pela revitalização urbana do Centro Histórico da Capital. Um forte impulso neste sentido ocorreu com a recente transferência do comércio informal para o Centro Popular de Compras, o Camelódromo, o que deu início ao processo de recuperação do conjunto constituído pela Praça XV, Largo Glênio Peres e entorno. Em fase de licitação, as obras para o espaço prevêem melhorias na pavimentação, iluminação, mobiliário urbano e paisagismo, incluindo as ruas Marechal Floriano e José Montaury, com investimento de R$ 1,8 milhão.
Chalé O Chalé da Praça 15 é um dos espaços de convívio mais tradicionais de Porto Alegre. Inaugurado em 1884 e reconstruído em sua versão atual em 1911, constitui-se, desde então, em um dos locais de encontro preferidos pela população e turistas. Em sua história, o local passou por diversos processos de reformas e atualizações e também por um longo período de decadência, que culminou com a interrupção de suas atividades na década de 90. Reaberto no ano 2000, após parceria com o Senac, desde 2002 é administrado pelo grupo Variettá.
*O Hospital São Lucas da PUCRS (HSL) realiza, nesta sexta-feira, 13 de março, das 8h às 17h, a "Campanha de Prevenção à Insuficiência Renal". Será oferecido à comunidade serviço de orientação e verificação da pressão arterial e de glicemia capilar para conscientizar e prevenir sobre a doença. A atividade é gratuita e será no térreo do HSL (avenida Ipiranga, 6690 - Porto Alegre). Outras informações pelo telefone (51) 3320-3174.
*A PUCRS é a única instituição de ensino superior a figurar entre as 15 marcas mais prestigiadas por sua reputação, levando em conta as 50 maiores do RS presentes no ranking Grandes & Líderes, elaborado pela Revista Amanhã e a PricewaterhouseCoopers. Nesta quinta-feira, 12 de março, a Universidade recebeu o troféu Reputação Corporativa, em solenidade no Salão Nobre do Hotel Plaza São Rafael. O Reitor, Joaquim Clotet, recebeu a distinção.
A Instituição está presente em cinco dos seis quesitos avaliados, obtendo as melhores colocações nos itens Responsabilidade Social e Ambiental, Admiração e Confiança, além de Histórico e Evolução. Na classificação geral, obteve a 11ª colocação no Índice de Prestígio da Marca Corporativa, organizado pela Revista Amanhã e Troiano Consultoria de Marca.
*A Universidade está com inscrições abertas para o curso de "InDesign". A atividade será ministrada pelo professor Fábian Chelkanoff Thier, que apresentará a interface do programa, manuseio de documentos, textos, objetos, cor e arquivos PDF para impressão. Para se inscrever, é necessário que o interessado tenha conhecimentos básicos de informática. As aulas ocorrerão entre os dias 23 e 27 de março, das 12h às 14h. A promoção é da Faculdade de Comunicação Social da PUCRS (Famecos).
Inscrições podem ser realizadas na Pró-Reitoria de Extensão da Universidade (Proex), sala 201 do prédio 40, no Campus Central (avenida Ipiranga, 6681 - Porto Alegre). Informações no site www.pucrs.br/cursoseeventos ou pelo telefone (51) 3320-3680.
*O Instituto de Cultura Hispânica da PUCRS (ICH) recebe inscrições para cursos de Língua Espanhola nos níveis básico, intermediário e avançado, com aulas a partir do dia 16 de marços pela manhã e à noite. Inscrições na Pró-Reitoria de Extensão da Universidade, sala 201 do prédio 40, no Campus Central (avenida Ipiranga, 6681 - Porto Alegre). Alunos, ex-alunos, professores e funcionários da Universidade, Hospital São Lucas e funcionários do Tecnopuc têm desconto. Outras informações pelo telefone (51) 3320-3680 ou site www.pucrs.br/ich.
*Visitar o Museu de Ciências e Tecnologia da PUCRS (MCT) é "imperdível", conforme avaliação da edição 2009 do "Guia 4 Rodas Brasil", da Editora Abril. A publicação recomenda o MCT a quem transitar por Porto Alegre e destaca os experimentos lúdicos e interativos como o simulador de terremoto, a evolução do feto desde o primeiro mês até o nascimento e o giroscópio humano, que simula o que acontece com o corpo na ausência da gravidade.
Nas páginas dedicadas à capital gaúcha, em que o MCT aparece como atração, a matéria conceitua o Museu como "divertido e interativo, e que disseca conceitos de matemática, física, química, biologia e geografia em 800 experimentos, com ativa equipe de monitoria".
O Museu de Ciências de Tecnologia da PUCRS funciona de terças a domingos, das 9h às 17h. Outras informações pelo telefone (51) 3320-3521 ou por meio do site www.pucrs.br/mct.
*Estimular a reflexão criativa sobre o aproveitamento e o futuro da comunicação diante das novas tecnologias e instrumentalizar os participantes para essas novas técnicas são alguns dos objetivos do curso de extensão "Narrativas na Web". A atividade, ministrada pelo jornalista e escritor Marcelo Spalding, pretende mostrar aos estudantes de jornalismo, publicidade e propaganda, relações públicas, cinema, letras e áreas afins, por meio de abordagens multidisciplinares, as possibilidades narrativas das novas tecnologias e de que forma elas contribuem para o trabalho. A promoção é da Faculdade de Comunicação Social da PUCRS (Famecos).
As inscrições estão abertas até 27 de março, com aulas de 28 de março a 25 de abril, aos sábados, das 8h às 13h. O procedimento pode ser feito na Pró-Reitoria de Extensão da Universidade (Proex), sala 201 do prédio 40, no Campus Central (avenida Ipiranga, 6681 - Porto Alegre). Informações pelo telefone (51) 3320-3680.
*Nesta sexta-feira (13/03), a partir das 18h, no Anfiteatro Irmão José Otão (Av. Ipiranga, 6.690), ocorre a reunião mensal promovida pela equipe multidisciplinar do Centro da Obesidade e Síndrome Metabólica do Hospital São Lucas da PUCRS (COM/HSL/PUCRS) e aberta ao público. A palestra é gratuita e esclarece dúvidas, apresenta técnicas e indicações para os diversos casos da obesidade. Em março, o COM completa nove anos de atividades junto à comunidade.
O enfoque dessa reunião será em cirurgia plástica pós-cirúrgica, com o cirurgião plástico, Marcelo Zardo, às 17h, aos pacientes operados, e às 18h, sobre problemas do aparelho digestivo, com a gastroenterologista Myriam Moretto. A questão da obesidade não é só estética. No Brasil, a procura por cirurgias plásticas está entre as maiores do mundo. Quanto maior for este índice, mais freqüentes e graves serão as doenças associadas. Pessoas com IMC superior a 35 kg/m² são mais sujeitas a doenças cardíacas e vasculares (coronariopatias e hipertensão arterial), diabetes, insuficiência pulmonar, distúrbios metabólicos (hiperlipidemia), doenças da vesícula biliar (cálculos), doenças que afetam as articulações (osteoartrose degenerativa), aumento do risco de desenvolver câncer (endométrio, mama, intestino, próstata), além de problemas psicológicos com desajustes sociais e familiares.

SERVIÇO
"Reunião Mensal do COM" -

Palestra: Enfoque na Cirurgia Plástica e problemas do aparelho digestivo
Data: 13/03/2008 (sexta-feira)
Horário: 18 horas
Público-alvo: operados, não-operados e demais interessados
Local: Auditório do HSL - 2º andar – Av. Ipiranga, 6.690
Evento Gratuito: Informações (51) 3336-0890/3320-5002
Aberto ao público
*O Parque Científico e Tecnológico da PUCRS (Tecnopuc) é membro titular da principal associação de Parques Científicos e Tecnológicos do mundo, a International Association of Science Parks (IASP), com sede em Málaga, na Andaluzia, Espanha. O pró-reitor de Pesquisa e Pós-Graduação da Universidade, Jorge Audy, lembra que o convite, feito pela direção da IASP, ocorreu em função do porte e visibilidade que o Tecnopuc atingiu, hoje benchmark na América Latina em ambientes de inovação. "Foi solicitado pela IASP que nos tornássemos sócios individuais, permitindo maior participação na entidade em termos internacionais", ressalta. A IASP realiza eventos, missões de trabalho e capacitações para Parques Científicos e Incubadoras.
Dálcio, hoje, no Diário do Povo (Campinas), Elvis, no Amazonas em Tempo (Manaus), Bessina, na Charge Online e Bruno, no Valeparaibano (SP).









*A bióloga alemã Christiane Nüsslein-Volhard, ganhadora do Prêmio Nobel de Medicina/Fisiologia, em 1995, marcará sua primeira vinda ao Brasil com o desembarque na PUCRS para abrir o Ciclo de Palestras "Evolução: Transversalidades", no qual iniciará as discussões sobre o legado de Charles Darwin, "o maior biólogo teórico de todos os tempos", como o define. A palestra será na próxima quinta-feira, 18 de março, às 18h30min, no teatro do prédio 40 do Campus Central, com entrada franca e tradução simultânea. O tema será "Questões da Evolução". Um dos pontos que a docente da Universidade de Tübingen e diretora do Departamento de Genética do Max Planck Institute for Developmental Biology defende é a atualidade dos registros feitos pelo naturalista inglês. Ela afirma que "se Darwin não tivesse anotado o que observou na natureza, teríamos perdido def initivamente importantes informações. Hoje em dia ninguém conseguiria essa riqueza de observações".

Entre as maiores polêmicas envolvendo o darwinismo está a eugenia, interpretação equivocada feita por muitos cientistas, ainda no século 19, trocando a expressão "sobrevivência do mais apto", cunhada por Darwin, ao se referir ao mundo animal, pela "sobrevivência do mais capaz", no sentido de força, defendida pelo primo do naturalista, Francis Galton, e pelo filósofo inglês Herbert Spencer, transpondo a teoria para o foco social ao propor a criação de uma raça nórdica superior. Esse pensamento, décadas depois, embasaria barbáries lideradas por Adolf Hitler, no Holocausto, durante a Segunda Guerra Mundial.
Na visão de Chistiane, a palavra "seleção" ainda é vista criticamente quando se abordam conceitos fundamentais da biologia em seu país. A abordagem deste e demais temas instigantes, como a relação entre o evolucionismo e o criacionismo, a biodiversidade e a filosofia irão conduzir os debates, propondo "a avaliação crítica da contribuição de Darwin e a atualidade de sua pesquisa sob um olhar multi e transdisciplinar", acrescenta o professor da Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas Draiton de Souza, coordenador do Ciclo.
O que: Palestra com a prêmio Nobel de Medicina/Fisiologia, em 1995, Christiane Nüsslein-Volhard, na abertura do Ciclo de Palestras "Evolução: Transversalidades"
Tema: "Questões da Evolução"
Horário: 18h30min
Local: teatro do prédio 40 do Campus Central da Universidade
Entrada franca, com tradução simultânea

Aniversariantes do dia 12 de Março

Liza Minelli (63 anos), Bárbara Feldon (77), Juliana Silveira (29), Débora Evelyn (43), Nádia Lippi (53) e Roberto Bonfim (64).




















Fatos históricos do dia 12 de Março

Anne Frank, autora do diário em que contava os horrores da perseguição nazista contra os judeus, morre de tifo e inanição no dia 12 de março de 1945. Ela e a família foram enviadas a um campo de concentração nazista depois que seu esconderijo foi denunciado por um vizinho.
1535 - Fundada oficialmente a cidade de Olinda, em Pernambuco.
1572 - Publicação de Os Lusíadas, poema épico do português Luis de Camões.
1799 - Áustria declara guerra à França.
1894 - Inicia-se a venda de Coca-Cola em garrafas.
1917 - Inicia a Revolução Russa, que atinge seu ápice em outubro do mesmo ano com a queda do czar Nicolau II.
1930 - Mahatma Gandhi lidera uma marcha contra o monopólio inglês sobre o sal.
1947 - O presidente americano Harry Truman anuncia o que ficou conhecido como Doutrina Truman, pedindo ajuda para que a Grécia e a Turquia não caíssem nas mãos de comunistas. 1959 - É lançado o veículo espacial francês Veronique AGI 16.
1969 - A polícia encontra 120 cigarros de maconha na casa do beatle George Harrison.
1980 - John Wayne Gacy Jr. é declarado culpado pela morte de 33 homens e meninos em Chicago. Ele seria executado em 1994.
1990 - O Presidente José Sarney, um pouco antes de deixar o poder, assina 45 concessões de emissoras de rádio.
1994 - A Igreja da Inglaterra ordena suas primeiras pastoras.
2000 - João Pablo II pede perdão pelos pecados da Igreja Católica.
2002 - A texana Andrea Yates é declarada culpada pela morte de três de seus cinco filhos por afogamento.
Nascimentos
» George Berkeley (1685-), filósofo irlandês» Jack Kerouac (1922-1969), escritor americano» Raúl Alfonsin (1927-), presidente argentino» Liza Minnelli (1946-), atriz americana» Joaquim Cruz (1963-), atleta brasileiro
Falecimentos
1950 - Heinrich Mann, escritor alemão 1992 - Richard Brooks, cineasta americano 2000 - Maria Werneck de Castro, artista plástica brasileira
Redação Terra

quarta-feira, março 11, 2009

Mônica Veloso, jornalista.
*Os interessados em fazer o Curso de Radialista, oferecido pela Univates e pelo Sindicato dos Radialistas do Rio Grande do Sul, ainda podem se inscrever até a próxima quarta-feira, 18. O objetivo é qualificar profissionais para atuar na área de radiodifusão, possibilitando a obtenção do registro profissional de radialista.
Dentre os temas a serem abordados no curso, estão questões de voz, dicção e locução; legislação e ética; português, inglês e informática para a radiofonia; redação radiofônica; programação musical; e edição de áudio e vídeo. As aulas iniciam-se no dia 20 de março, sob a coordenação do professor Wanderlei de Brito. As inscrições podem ser efetuadas na Secretaria de Extensão e Pós-Graduação, sala 110 do Prédio 1 do Campus Lajeado, ou pelo site www.univates.br/cursosdeextensao.
*Mais uma edição da Cavalgada da Lua Cheia será realizada na próxima sexta-feira, 13. O programa, que acontece sempre na sexta-feira da semana de lua cheia de cada mês, é organizado pela Cabanha La Paloma com o apoio da Secretaria Municipal de Turismo. É a 15ª edição do evento, que em 25 de janeiro completou um ano e a participação de aproximadamente 1.500 cavaleiros desde a sua primeira edição, em 2008.
O passeio, que reúne cavaleiros e simpatizantes das lidas campeiras, dura cerca de duas horas, percorrendo avenidas e estradas dos bairros Lageado e Belém Novo em "ritmo de passo", o que permite a participação de pessoas sem experiência e preparo físico, dos 12 aos 80 anos de idade, segundo Joelson Barbosa, organizador do evento.
Para participar não é necessário ter cavalo próprio, pois animais da raça crioula poderão ser alugados no local a um custo de R$ 70,00, valor que inclui jantar campeiro oferecido ao final da cavalgada na sede da La Paloma ao som de música gauchesca. Para quem preferir apenas jantar e acompanhar a preparação dos cavalos, a movimentação dos participantes e a saída da cavalgada, o custo é de R$ 10,00.
A saída da cavalgada noturna ocorre às 20h na sede da cabanha (Av. Edgar Pires de Castro, 9089, bairro Lageado). As inscrições podem ser feitas até amanhã, 12, pela manhã, nos telefone 3266.1618 e 9718.2741.

Calendário das Cavalgadas para 2009:13 de março; 10 de abril; 08 de maio; 12 de junho; 10 de julho; 07 de agosto; 04 de setembro; 09 de outubro; 06 de novembro; 04 de dezembro.Local de saída e chegada: Cabanha La Paloma, Av. Edgar Pires de Castro, 9089. Bairro Lageado.Reservas e aluguel de cavalos com Sr. Joelson: 3266.1618 ou 9718.2741
*O Sine Porto Alegre, gerenciado pela Secretaria Municipal de Produção, Indústria e Comércio (Smic), está selecionando candidatos interessados em ocupar uma das 500 vagas no serviço de Call Center. A seleção acontece na Avenida Osvaldo Aranha, 308. O processo terá continuidade ao longo do ano. Desde novembro do ano passado, foram contratador 1,5 mil trabalhadores para essa função.
O Sine oferece vagas no mercado de trabalho em diversas áreas. Os interessados podem procurar o posto municipalizado do Sine (Avenida Mauá, 1013), de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. É necessário apresentar Carteira de Trabalho, número do PIS e Carteira de Identidade. Empresas interessadas no aproveitamento de mão-de-obra podem solicitar a visita dos captadores de vaga pelo telefone 3289-4796, ou por e-mail sine@smic.prefpoa.com.br.
Atelier Livre abre inscrições para Festival de Arte e cursos
*O Atelier Livre está abrindo editais para artistas que queiram ministrar cursos e ou participar do Festival de Arte Cidade de Porto Alegre 2009. As inscrições para o festival vão até 3 de abril e para a seleção de artistas para ministrarem cursos extras até 27 de março.
Leia Mais
*A Secretaria Municipal da Produção, Indústria e Comércio (Smic) receberá inscrições dos candidatos para o sorteio de seleção de 16 vendedores para comercializar lanches e outros tipos de alimentos na Praça de Alimentação do Baile da Cidade. Comemorativo ao aniversário de Porto Alegre, o evento será realizado no Parque da Redenção, no dia 28.
Os interessados deverão se inscrever na quarta-feira da semana que vem, dia 18, das 9h às 12h e das 14h às 17h, no setor de Supervisão de Economia Solidária da Smic, localizado na Avenida Osvaldo Aranha, 308, Sala 16, Bairro Bom Fim. No local, estarão disponíveis o regulamento e a ficha de inscrição.
Já o sorteio de classificação será no dia 20, às 10h, no auditório da Smic, na Avenida Osvaldo Aranha, 308. O edital será pulicado amanhã, 12, no Diário Oficial de Porto Alegre. Informações: 3289-4713 e 3289-4712.
Documentação necessária:
• Ficha de Inscrição preenchida e assinada pelo Titular e pelo(s) auxiliar(es).• Original e cópia do documento de identidade e do CPF do Titular e do auxiliar(es).• Original e Cópia do Certificado de participação na palestra sobre higiene de alimentos fornecido pela SMS/Equipe de Vigilância em Alimentos, com data posterior a janeiro de 2005, para o Titular e o auxiliar(es).• Licenciamento da Saúde para Produção Caseira de alimentos, expedido pela CGVS/SMS. • Comprovante de residência na cidade de Porto Alegre (da pessoa ou cônjuge, pai ou mãe, com prova documental).
*A Eduardo Severino Cia. de Dança, depois de apresentar os espetáculos Planetário e IN/compatível?, dentro do Dança Usina na 209, retorna com o espetáculo Bundaflor, Bundamor, que teve estreia no ano de 2008 com grande repercussão. A atração é recomendada para maiores de 18 anos.A chamada “preferência nacional” dos brasileiros é o tema de criação para este trabalho coreográfico. Bundaflor, Bundamor discorre sobre a bunda como produto nacional e cultural. Foi utilizado como inspiração para a pesquisa coreográfica o livro do historiador francês Jean Luc Henning, “A breve história da bunda”.O espetáculo propõe um olhar diferenciado a essa parte do corpo humano, atentando para a sua constituição, o seu desenho e as suas possibilidades motoras. A bunda brasileira, formada graças à herança genética africana, é massa carnal “rebolante” que mostra a nossa alegria mestiça, em algumas de suas manifestações mais originais.Em cena, Eduardo Severino, Luciano Tavares, Mônica Dantas, Dani Boff e Luciana Hoppe abordam com humor o imaginário brasileiro, brindando-nos movimentos de seus corpos para além da banalização dos elementos que compõem o real e o simbólico desse universo. “Como seria a personalidade da bunda de cada um?”, questiona Eduardo Severino, lembrando que no Brasil se dá muito valor à bunda feminina.O trabalho tenta desmistificar isso ao experimentar esta parte do corpo com movimentos que não apenas remetam à sua representação erótica ou sexual. Ao compartilhar a concepção coreográfica com Luciano Tavares e a direção artística com Bia Diamante, Eduardo Severino elogia o elenco - formado por experientes bailarinos/criadores -, que se dispõe a colocar em foco esta parte do corpo sem falsos moralismos. “Como dizia Drummond, é o milagre de ser duas em uma, plenamente, e bunda é a bunda, redunda. E bem como viu Jean-Luc Henning em sua breve história das nádegas, a bunda é barroca, sim: a bunda é barroca. Curva e plenitude”, dispara.
SERVIÇO:O quê: Bundaflor, Bundamor - Eduardo Severino Cia de DançaQuando: 14, 15, 21 e 22 de março (sábados e domingos) às 20h30Onde: Sala 209 do Centro Cultural Usina do Gasômetro (Av. Presidente João Goulart, 551)Ingresso: antecipados no Café da chaminé da Usina do Gasômetro por R$ 16 (20% de desconto) de terça a domingo das 10h às 12h e das 13h às 20h.No local: Inteira - R$ 20,00, Meia - R$ 10,00 (melhor idade, assinantes Correio do Povo, estudantes e classe artística.
Mostra Movimento e PalavraO “Dança Usina na 209” segue com a 4° edição da Mostra Movimento e Palavra no dia 28 de março (sábado) às 19h30.
*Para alertar sobre a importância da prevenção de problemas renais, o Hospital São Lucas da PUCRS promoverá na sexta-feira (13) serviços gratuitos e orientações ao público. A Campanha de Prevenção à Insuficiência Renal Crônica, das 8h às 17h, abrangerá testes de glicose, medição de pressão arterial, distribuição de material informativo e uma exposição de fotos de pacientes transplantados e que estão à espera do procedimento no Estado. O evento é uma realização do Serviço de Nefrologia do HSL, com o apoio da Supervisão de Enfermagem do Hospital e da Sociedade Brasileira de Nefrologia.
O objetivo será alertar sobre a importância de prevenir o diabetes e a hipertensão arterial, duas das principais causas que levam ao desenvolvimento do quadro de insuficiência renal crônica.
A campanha integra a I Semana do Rim do Hospital São Lucas, que acontecerá até o dia 15. A programação inclui ainda apresentação teatral de funcionários para os pacientes da Diálise e familiares, além de musicoterapia, massoterapia e trabalhos lúdicos com papel reciclado.
*Em 1987, aos 42 anos, a cirurgiã dentista Zina Maria Zanenga Golanski descobriu que havia desenvolvido diabetes. A partir dali, teve uma rotina dolorosa, chegando a quatro aplicações de insulina diárias aos 45 anos, quando passou por uma cirurgia de redução do estômago, aliviando o desconforto e restabelecendo os parâmetros normais de açúcar no sangue. Depois disso, foi submetida a outras intervenções, inclusive no pé esquerdo e na coluna. O processo de recuperação começou com uma fisioterapeuta particular que, em 2006, indicou-lhe o Centro de Reabilitação da PUCRS, mencionando-o como uma referência no Brasil. Teve início, então, um trabalho que atualmente resulta maior qualidade de vida.
"Parei de dirigir por dez anos, e dependia de terceiros para vir às sessões. Agora venho sozinha, no meu carro", comemora. Zina, hoje aposentada, tem um veículo adaptado, garantindo-lhe independência ao guiar. Esse novo momento de sua vida tem como protagonista o Centro de Reabilitação e toda a estrutura disponível à retomada das rotinas de pacientes que passam por traumas ou intervenções médicas. Inaugurado em 2004, o espaço foi pensado inicialmente como uma clínica-escola para cumprir a exigência do Ministério da Educação (MEC) de aproximar os alunos do contato ensino-assistência. No entanto, os professores perceberam haver potencial para ampliar os serviços. "Ele foi planejado pela Faculdade de Enfermagem, Nutrição e Fisioterapia (Faenfi) e atualmente é administrado pelo Hospital São Lucas da PUCRS (HSL), tendo-se convertido num espaço multiprofissional e interdisciplinar", conta a professora Beatriz Ojeda, diretora da Fae nfi.
A diversidade de profissionais envolvidos reforça as palavras da docente. Fisioterapeutas, nutricionistas, fonoaudiólogos, enfermeiros, médicos fisiatras, cardiologistas e pneumologistas integram uma verdadeira força-tarefa em benefício do aprendizado acadêmico e tratamentos à saúde. "Dispomos de um programa de reabilitação para pessoas com doenças pulmonares obstrutivas crônicas, único no Rio Grande do Sul", informa a professora Mara Knorst, coordenadora do Centro. Entre os maiores diferenciais do local lista a ampla área física, superior a 2 mil m2, distribuídos em três pavimentos, a área dermatofuncional, para tratamento de estrias, varizes, gordura localizada e celulites, além de uma piscina adaptada às mais distintas necessidades para pessoas com dificuldade em locomover-se - incluindo barras laterais e um elevador submergível. A paciente Zina lembra que há três anos dependia desse aparelho. "Agora, com a hidr oterapia, entro na água caminhando pelas escadas", comenta alegremente, ao lembrar os tempos de nadadora da Sociedade Ginástica Porto Alegre, durante a adolescência.
Outras estruturas sem similar no Estado são as salas com campo eletromagnético, onde existem as Gaiolas de Faraday. Nelas é possível tratar lesões que exigem calor profundo, com ondas curtas e micro-ondas. O isolamento do ambiente confere segurança às pessoas com marcapasso. Vítimas de acidentes com automóveis, com armas de fogo, lesões encefálicas e medulares como derrames e paralisias cerebrais e Doença de Parkinson, entre outras, têm todo o apoio na reabilitação neurofuncional. Para gestantes, mulheres que sofrem a retirada da mama e pessoas com incontinência nas necessidades fisiológicas, existe a fisioterapia em ginecologia e obstetrícia, com profissionais exclusivos e cabines privativas. Metade do público recebido no Centro é proveniente do Hospital São Lucas, deslocando-se de Porto Alegre e de municípios da Região Metropolitana para as sessões, boa parte em função dos valores acessíveis praticados. Os outros 50% são fo rmados pela comunidade universitária, como professores, funcionários e alunos.
*Por motivo de superlotação, a emergência adulta do Hospital São Lucas da PUCRS que atende a pacientes do SUS foi fechada no final da manhã desta quarta-feira (11/03). A medida valerá, inicialmente, por 48 horas. Com 11 leitos, o serviço está com 29 pacientes. A direção solicita que a população procure outras instituições.
Bessinha e Lézio (Diário da Região, SP)


*Nesta quarta e quinta-feira, dias 12 e 13 de março, os novos alunos serão recepcionados pela Universidade no "Stand Calouros", um ambiente de lazer, troca de experiências e acolhida. A atividade semestral será realizada no Centro de Eventos da Universidade, prédio 41 do Campus Central (avenida Ipiranga, 6681 - Porto Alegre). O "Stand" é um espaço de convivência entre os acadêmicos, que oferece dicas, música e integração, além de apresentar a Universidade. No local, os calouros receberão um kit de boas-vindas. Para os veteranos, o brinde estará disponível no Salão de Atos até 13 de março, das 9h às 21h30min. Para os estudantes do Campus Viamão, a entrega será no dia 13 de março, em Porto Alegre. Alunos do Campus Uruguaiana receberão os brindes até o dia 13 de março.
A administração superior da Instituição fará a recepção aos novos alunos nos turnos da manhã, tarde e noite, de acordo com escala previamente combinada, seguida por uma apresentação do vídeo institucional da Universidade. As atividades são organizadas pela Pró-Reitoria de Assuntos Comunitários (Prac), com o apoio das unidades acadêmicas. Informações complementares pelo telefone (51) 3320-3708, ramal 4430, site www.pucrs.br/eventos/standcalouros e e-mail futuroscalouros@pucrs.br. Os calouros que não retiraram seu kit durante o "Stand" devem procurá-lo na Prac, sala 109 do prédio 1.
*Estão abertas as inscrições para o curso "Final Cut Básico", promovido pela Faculdade de Comunicação Social da PUCRS (Famecos). Serão abordados temas como "Conceitos de Vídeo Digital", "Conceitos de Edição não-linear", "Captura de Material", "Correção de Cores" e "Finalização para diversos meios". As aulas ocorrerão entre os dias 16 e 19 de março, das 14h às 16h30min. É necessário possuir conhecimentos básicos de informática.
Os interessados podem se inscrever na Pró-Reitoria de Extensão da PUCRS (Proex), sala 201 do prédio 40, no Campus Central (avenida Ipiranga, 6681 - Porto Alegre). Informações no site www.pucrs.br/cursoseeventos ou pelo telefone (51) 3320-3680.
*A partir do dia 24 de março quem visitar o Museu de Ciências e Tecnologia da PUCRS (MCT) conhecerá as etapas e repercussões da viagem do Beagle - em que Charles Darwin, então com 22 anos, esteve presente como naturalista, disposto a explorar as localidades visitadas e coletar o maior número possível de espécimes. A exposição (R)Evolução de Darwin terá três andares, e será dividida em "A Viagem do Beagle"; "A Origem da Vida"; "A Evolução"; "A Biodiversidade" e "A Vida e Obra de Darwin". O público verá também a réplica do Beagle, na proporção de 1:4, com 9 metros de comprimento e 12 metros de altura (com as velas). A mostra e seus desdobramentos ocuparão praticamente 30% da área de visitação do MCT.
Logo que o passeio começar, o visitante verá o aparelho que simula as condições em que se formaram as primeiras moléculas precursoras da matéria orgânica necessária ao aparecimento da vida na Terra, há cerca de 4 bilhões de anos - reprodução do experimento de Oparin Miller; a árvore filogenética da vida; o que Darwin viu no Brasil, quando conheceu matas baianas e fluminenses à procura de plantas, insetos e animais e que o auxiliaram a criar a sua teoria, suas descobertas em outros locais, como as ilhas Galápagos, e saberão um pouco ainda sobre sua família, trabalho e outras obras. O MCT está reconstruindo também uma réplica do escritório de Darwin, originalmente situado nos arredores de Londres, local em que o cientista estudou e elaborou suas teorias. A exposição ficará no MCT até 30 de dezembro.

A Biblioteca Central Irmão José Otão organizará um espaço privilegiado em suas dependências para colocar à disposição dos visitantes todo o acervo relacionado às questões a serem apresentadas e debatidas na exposição, nas conferências e palestras. Também estará exposto material histórico e diferentes edições do livro "A origem das espécies" para consulta.Curiosidades
Ao aportar no Brasil, em 1831, a bordo do HMS Beagle, Darwin escreveu: "É uma visão das mil e uma noites, com a diferença de que é tudo de verdade". A exposição mostrará também como eram os primeiros seres vivos da terra, como surgiram e como a biodiversidade atual surgiu a partir destes pequeníssimos seres.Abaixo, segue a lista das palestras e conferências que ocorrerão na PUCRS em 2009, com entrada franca:Ciclo de palestras "Evolução: Transversalidades"
Local: Teatro da PUCRS ou auditório do prédio 50 da PUCRS
Período: 18 de março a 27 de outubro
Horário: 18h30min
Palestrantes:
Profa. Dra. Christiane Nüsslein-Volhard (Universidade de Tübingen, Alemanha) - "A evolução e seu impacto no pensamento científico" - 18 de março - Teatro (prédio 40)
Profa. Dra. Ana Carolina Regner (Unisinos) - "A origem das espécies" - 28 de abril - Auditório (prédio 50)
Prof. Dr. Eduardo Cruz (PUC-SP) - "Evolucionismo e criacionismo" - 26 de maio - Auditório (prédio 50)
Prof. Dr. José Roberto Goldim (PUCRS/UFRGS) - "A atualidade da discussão sobre eugenia" - 25 de agosto - Auditório (prédio 50)
Prof. Dr. Christian Illies (Univ. Bamberg, Alemanha) - "Darwin como metafísico: reflexões filosóficas sobre a teoria da evolução" - 29 de setembro - Auditório (prédio 5)
Prof. Dr. Eduardo Eizirik (PUCRS) - "Biodiversidade e evolução" - 27 de outubro - Auditório (prédio 5)
Conferências
Local: Anfiteatro do Museu de Ciências e Tecnologia da PUCRS
Horário: 18h30min
Conferencistas:
Jefferson Braga da Silva (PUCRS) - "A evolução da mão" - 6 de maio
Jaderson Costa da Costa (PUCRS) - "A evolução do cérebro" - 3 de junho
Iván Izquierdo (PUCRS) - "A evolução da memória" - 17 de junhoCiclo de debates Faculdade de Biociências da PUCRS
Local: Anfiteatro do Museu de Ciências e Tecnologia da PUCRS
Horário: 18h30min
Palestrantes:
Walter Filgueira de Azevedo Jr. (PUCRS) - "Evolução molecular e suas implicações na Astrobiologia" - 15 de abril
Francisco M. Salzano (UFRGS) - "Perspectivas em medicina genômica e darwiniana" - 20 de maio
Eduardo Eizirik (PUCRS) - "Especiação e hibridização" - 12 de agosto
Taran Grant (PUCRS) - "Evolução da diversidade reprodutiva nos anfíbios" - 23 de setembro
Luana Piovani


Hoje Magic Paula faz 47 anos e Suzi Rego completa 42.


terça-feira, março 10, 2009


Os Detetives Durões

Ernani Ssó

Dashiel Hammett, o criador dos detetives durões, foi um detetive durão. Tinha inclusive marcas nas pernas e na cabeça arranjadas em entreveros com bandidos. Mas não era safado como Sam Spade. Largou a Agência Pinkerton depois de uma ação em que baixaram o sarrafo nuns grevistas e pegou seis meses de cana simplesmente porque se recusou a abrir o bico para o senador McCarthy. Melhor ainda, não precisava dedurar ninguém, bastava dizer que não sabia de nada. Romântico recolhido, admiro gestos desses.
Outra coisa simpática sobre Hammett: numa festa, quase deu umas porradas no Heminguay, porque ele falava mal do Fitzgerald. Não sei se o Fitzgerald merece uma defesa heroica, literariamente falando, mas que o Heminguay merecia umas porradas, merecia. Há bons exemplos de que era uma péssima pessoa, como quando botou vidas em risco com brincadeiras estúpidas durante a Guerra Civil Espanhola. É triste, sim, mas talento não escolhe caráter.
O falcão maltês
Nos contos longos, ou novelas curtas, sobre o detetive anônimo e gordo da Agência Continental, Hammett não fica naquela prosa que usa nos romances, tipo roteiro, que dá gestos, caras e bocas dos personagens sem nenhum pensamento ou emoção. Que essa prosa seja conhecida como realista ou objetiva apenas comprova a total falta de sentido das palavras realidade e objetividade.
Há laconismos e laconismos. Um texto não pode estar cheio de vazios, de omissões. Tem é que estar com as coisas invisíveis, embutidas. O silêncio é bom quando o leitor adivinha os fantasmas andando, não quando ele encobre a inépcia ou a preguiça do escritor.
Maiores e menores
Há dezenas e dezenas de escritores melhores que Hammett, mas ele criou o detetive durão, personagem que tomou conta da imaginação de multidões no século 20. Mais: trata-se de um personagem que acabou independente do autor, como se não devesse nada a ele. Não são muitos. Basta ver a história da literatura: Aquiles, Ulisses, Jocasta e o filhinho da mamãe, Quixote e Sancho, Hamlet, Sherlock, Drácula, Lolita e alguns outros.
Grande golpe
Todo esse papo é porque andei relendo duas antologias: A ferradura dourada e O grande golpe. A primeira coisa que chama a atenção nesses contos é que a violência, a crueldade ou falta de sentimentalismo do detetive e o humor negro têm uma intenção realista. A tropa de imitadores do Hammett coreografou isso tudo. Estilizou tanto que virou desenho animado, Tom e Jerry. Aí o cinema deu o tiro de misericórdia: efeitos especiais alucinantes, a violência como espetáculo, mais a repetição infinita. Não bastava? Tarantino, em vez de ir ao psiquiatra, resolveu filmar.
A segunda coisa que chama a atenção é que o melhor do Hammett ainda pode ser usado como antídoto a esse lixo cinematográfico atual.
Cavalheiros
Philip Marlowe, o detetive do Raymond Chandler, não chega ao ponto de guardar o revólver para que o bandido tenha as mesmas chances na hora do duelo, mas é um cavalheiro. O Continental Op, do Hammett, numa briga chuta, morde, dá coronhaços, atira pelas costas. Nunca banca o herói. Depois de atirar na bandida linda que confiava na bondade dele para fugir, diz: o que você esperava de um sujeito que roubou a muleta de um aleijado?
Eu prefiro Chandler como escritor, por causa do estilo. Mas o personagem e os enredos dele são uma involução em relação a Hammett. Quanto à Agatha Christie, bem — deixa pra lá. Estamos falando de crime e de literatura, não de jogos de salão.
Lew Archer
As primeiras aventuras de Archer são uma imitação canhestra de Chandler. Mas aí o Ross Macdonald foi pro divã do psicanalista. Pode ser duro engolir essa, mas depois de fazer análise ele se tornou um excelente romancista.
Os casos de Archer não têm o sabor das ruas que sentimos em Hammett e muito pouco das quixotadas de Chandler. Com Archer estamos às voltas com crimes de família, numa investigação mais psicológica que policial. É outra praia. (Coletiva)


*A privação do afeto e de cuidados básicos deixa marcas para toda a vida. Adultos com depressão que sofreram negligência na infância apresentam prejuízos na memória e diminuição no sangue do fator neurotrófico derivado do cérebro (BDNF, responsável pelo crescimento neuronal). Essa é uma das conclusões do estudo premiado no Congresso da International Society of Traumatic Stress Studies, realizado em Chicago (EUA) no final de 2008, e publicado na Biological Psychiatry (EUA). O trabalho é fruto da tese de doutorado do professor da Faculdade de Psicologia e psiquiatra Rodrigo Grassi de Oliveira, defendida no Programa de Pós-Graduação em Psicologia da PUCRS. Ele obteve da Capes a bolsa PDEE (Programa de Doutorado no País com Estágio no Exterior) para ficar dez meses na Universidade de Harvard, onde foi orientado por Martin Teicher.
A negligência física é a privação de cuidados básicos, como higiene e alimentação. Grassi diz que se trata de uma forma negativa de trauma, silenciosa e crônica. Lembra que não apenas os maus-tratos em forma de abusos leva a consequências na vida adulta. A negligência é capaz de interferir no funcionamento da memória. Grassi adverte, porém, que sequelas cerebrais só poderiam ser confirmadas por estudos de neuroimagem e interação gene-ambiente.
Segundo a professora Lilian Stein, que orientou a tese e também é autora do artigo, o estudo sugere que a negligência pode afetar o desenvolvimento cognitivo, mas seriam necessárias mais investigações para corroborar os resultados. Diz que há poucas pesquisas sobre negligência, diferentemente da violência. "A negligência emocional é mais sutil. Não choca como um ferimento e também deixa marcas", constata a professora, lembrando que os efeitos são sentidos a longo prazo.
Para a pesquisa foram selecionadas pacientes do Ambulatório de Depressão do Hospital Presidente Vargas com e sem histórico de negligência na infância. Foram entrevistadas 60 mulheres por psiquiatras. A seleção de apenas pessoas do sexo feminino visou a um melhor controle sobre os resultados, pois o impacto das experiências estressantes na infância pode diferenciar-se entre homens e mulheres. As pacientes foram comparadas com grupo saudável sem experiência de maus-tratos.
Elas foram submetidas a testes de memória e exames de sangue para verificar o nível de BDNF, além de responderem a questionários. Era esperado que essa substância estivesse diminuída em pacientes com depressão, mas surpreendeu os pesquisadores o fato de as pessoas com histórico de negligência apresentarem nível ainda mais baixo de neutrofina (substância que guia os neurônios em diferentes funções, contribuindo para o seu crescimento). A redução estava correlacionada a prejuízos da memória. "O BDNF pode ser um marcador importante da relação entre transtornos do humor e maus-tratos na infância, o que poderá, no futuro, ajudar a definir intervenções farmacológicas", diz Grassi.
O trabalho tem também a participação de Moisés Bauer (Biociências da PUCRS), Antonio Teixeira (Medicina da UFMG) e Rodrigo Lopes (doutorando). Foi realizado em colaboração com o Laboratório de Imunologia do Estresse do Instituto de Pesquisas Biomédicas da PUCRS. Financiada pelo CNPq e Capes, a pesquisa faz parte da nova área de concentração do Programa de Pós-Graduação em Psicologia da PUCRS - Cognição Humana.
Outro projeto do CNPq coordenado por Grassi prevê a análise genética do BDNF e cortisol (hormônio do estresse) em 130 crianças em idade escolar acompanhadas desde o nascimento pela equipe da médica Olga Falceto (Hospital de Clínicas). O objetivo será avaliar a associação entre cuidado materno, BDNF, estresse e desenvolvimento cognitivo.As bases do desenvolvimento Infantil
Estudos com roedores separados das mães quando filhotes mostram alterações neurobiológicas na vida adulta. A exposição precoce ao estresse na infância induziria modificações também nos seres humanos. Segundo Rodrigo Grassi de Oliveira, pesquisas concluem que essas mudanças seriam respostas adaptativas na tentativa de habituar os indivíduos a elevados níveis de privação. Nos dois primeiros anos de vida, está aumentada a atividade neutrófica. O desenvolvimento neurológico depende das influências ambientais (mais do que em outras fases), quando há maior plasticidade neuronal: as conexões não utilizadas são "podadas". "Se estiverem ausentes toque, conversa e afeto, as conexões sinápticas responsáveis por esses estímulos serão interpretadas como inúteis e eliminadas", explica. Segundo Grassi, imagina-se que uma criança privada de afeto e cuidado precisa lançar mão das habilidades de coping (capacidade de enfrentar uma situação estressante) precocemente. Com o acúmulo do estresse esse sistema ficaria sobrecarregado até não responder mais, contribuindo para as alterações do desenvolvimento.