Translate

sexta-feira, abril 15, 2016

Há 60 anos a gaúcha-catarinense Maria José sagrava-se Miss Brasil 1956



No próximo mês de junho fazem exatamente 60 anos que Maria José Cardoso - então uma jovem, moradora do bairro Petrópolis (rua Vicente da Fontoura), em Porto Alegre, e estudante do Instituto de Belas Artes - sagrava-se Miss Brasil 1956. Em uma época em que tais concursos muito representavam em importância, imaginário e status social, Zezé, como era chamada, foi escolhida a mais bela brasileira no evento realizado no famoso Hotel Quitandinha, em Petrópolis, no Estado do Rio - certame, aliás, que seria marcado por uma certa desorganização. Com um rosto à lá Ava Gardner, Maria José na verdade nem era gaúcha de nascimento, e sim catarinense da não menos bela cidade litorânea de São Francisco do Sul. Ela - que muitos diziam ser tímida, o que talvez comprometesse o seu desempenho na passarela - ficou entre as quinze semifinalistas no Miss Universo daquele ano, vencido por uma candidata dos Estados Unidos. No Rio Grande do Sul, Zezé foi alvo de uma série de homenagens oficiais. As reproduções são da Revista do Globo.

Nenhum comentário: