Translate

terça-feira, abril 29, 2014

Paul McCartney é preso com 200 gramas de maconha em Tóquio e fica uma semana na cadeia


Em janeiro de 1980, quando iria iniciar uma série de shows no Japão, o ex-beatle Paul McCartney, então com 37 anos, foi preso pela polícia de Tóquio e pegou alguns dias de cana em terras do Oriente. Ele levava consigo nada menos do que 200 gramas de maconha, droga que, como se sabe, era consumidor desde os tempos de Liverpool. Na cadeia, pediu para ficar com seu violão - o que as autoridades japonesas negaram.
Note-se que no mesmo ano, ao final, o seu antigo colega John Lennon seria assassinado em Nova Iorque por um maluco que ainda está preso. Paul, nessa época, era casado com Linda Eastman, falecida, uma das herdeiras do fabuloso império da Eastman Kodak, empresa que entrou em concordada face ao novo mundo digital que praticamente deu término aos tradicionais filmes fotográficos. 
Correio do Povo. Coleção do Arquivo Histórico de Porto Alegre.

Nenhum comentário: