Translate

quarta-feira, fevereiro 11, 2015

Rinhedeiro Copacabana: a Porto Alegre dos "galistas" da década de 30

Nos trinta primeiros anos do século vinte, Porto Alegre era uma cidade de jogatinas. Cassinos famosos, na capital, interior e litoral, atraíam um público de aficcionados, que não raro deixavam suas fortunas ou pequenos patrimônios nas mesas de bacará e roleta, por exemplo. Mas as rinhas de galo - hoje proibidas (Jânio Quadros que o diga), e que dão até prisão para quem for nelas autuado - eram uma diversão tradicional do Estado sulino e considerada até saudável. Nesta matéria, extraída do Correio do Povo de setembro de 1936, noticia-se a inauguração do "Rinhedeiro Copacabana", nas imediações da praça Garibaldi, uma "casa de diversões" onde "os gallistas desta Capital poderão passar horar agradáveis". O local  - "onde se empenham verdadeiros cracks" - contava até com um restaurante e 60 confortáveis cadeiras para os assistentes.

Nenhum comentário: