Translate

segunda-feira, outubro 03, 2016

Dom Elias Figueroa, craque do Inter, participa da campanha contra o cigarro: 1976

Se hoje o fumante tem, a cada dia, restringido o espaço para dar as suas tragadas, há 40 anos isso não acontecia - ainda podia-se fumar em ambientes fechados, lojas, bancos, estabelecimentos comerciais e até em aviões. Mas, naquele ano, as autoridades governamentais e da área da saúde (AMRIGS, Associação Médica do Rio Grande do Sul) iniciavam uma forte campanha antitabagista que ganhava força nas grandes capitais brasileiras - Porto Alegre, onde até hoje mais se fuma - era uma delas. O então jogador colorado,o zagueiro chileno Elias Figueroa - que seria bicampeão nacional pelo incrível time do Inter 75/76 - aderiu à iniciativa e emprestou seu nome a uma série de peças publicitárias que alertavam o cidadão a respeito dos malefícios do cigarro. É o que se vê nesta notícia do Correio do Povo.

Nenhum comentário: