terça-feira, agosto 27, 2013

Quintana: quem não é fazendeiro é boi...

Quando completava setenta anos de vida, em 1976, o poeta Mário Quintana teria dito, jogosamente, como era do seu feitio, que havia nascido em Alegrete, "onde quem não é fazendeiro é boi". A frase provocou uma tremenda polêmica e ele teve de desmentir a sua autoria - muito embora todos nós saibamos que, de fato, nas cidades da fronteira e da pecuária, como é o caso do Alegrete, quem não é fazendeiro é boi, sim. O certo é que achei essa notícia numa das minhas garimpagens na coleção do Correio do Povo do Arquivo Histórico de Porto Alegre. A data é 31 de agosto de 1976 e achei interessante publicar a reprodução da matéria.

Nenhum comentário: