Translate

quarta-feira, julho 15, 2009

Estão abertas até segunda-feira, 20, as inscrições para admissão de pessoal por um prazo máximo de 90 dias, para a função de Médico em Pediatria (9 vagas) e Medicina Intensivista Pediátrica (3 vagas). Os profissionais irão atuar no Hospital Materno-Infantil Presidente Vargas. A iniciativa irá atender necessidades temporárias de excepcional interesse público da Operação Inverno, desenvolvida pela Secretaria Municipal de Saúde.
Informações completas sobre o Processo Seletivo poderão ser obtidas no Edital nº 128, publicado pela Secretaria Municipal de Administração na edição de hoje, 15, do Diário Oficial de Porto Alegre (Dopa). O documento também está afixado nos painéis dos concursos existentes em frente ao Edifício Intendente José Montaury (rua Siqueira Campos, 1300), e, em caráter meramente informativo, pela Internet: www.portoalegre.rs.gov.br/concursos/.
Vencimentos - Para uma carga horária semanal de 30 horas, que poderá ser em regime de plantão, com prestação de serviços à noite, sábados, domingos e feriados, a remuneração básica é de R$ 1.349,40 (vencimento básico). De acordo com a necessidade da Administração, o servidor poderá ser convocado para regime especial de trabalho de Tempo Integral (RTI), que altera a carga horária semanal de 30 horas para 40 horas semanais, obtendo um acréscimo de 50% sobre o vencimento básico: R$ 674,70.
Inscrições e seleção
As inscrições estarão abertas até as 24 horas de segunda-feira, 20, e deverão ser feitas exclusivamente via Internet. Os interessados deverão entrar no site da Prefeitura de Porto Alegre (www.portoalegre.rs.gov.br) e clicar no link correlato ao Processo Seletivo 04/2009 – Operação Inverno, onde deverão preencher o formulário de inscrição, transmitir os dados e imprimir o boleto bancário necessário para o pagamento da taxa de R$ 66,50.
A seleção se dará pela análise de currículo, na qual serão considerados os aspectos de qualificação e experiência profissional. Será exigida experiência comprovada na área de Pediatria Hospitalar (Internação Pediátrica, Emergência Pediátrica, UTI Pediátrica ou Neonatal) de, no mínimo, 12 meses.

Nenhum comentário: