Translate

sexta-feira, outubro 09, 2009

Reportagem publicada pelo site Comunique-se informa que o Grupo RBS em Santa Catarina foi processado pelo Sindicato dos Jornalistas Profissionais do estado que alegou prática de trabalho escravo em concurso promovido pelo grupo de comunicação. O concurso consistiu em selecionar um casal de jovens para trabalhar sem remuneração na cobertura da Oktoberfest, em Blumenau. Pelo regulamento, o candidato deveria “ter disponibilidade para permanecer durante, aproximadamente, 60 (sessenta) dias, na Cidade de Blumenau, SC, arcando com a totalidade das despesas necessárias para sua permanência (hospedagem, transporte, lazer, alimentação, etc.), com exceção das despesas de almoço e jantar, a serem realizados em restaurante indicado pelo Grupo RBS, que irá suportar tais despesas”.
O TRT deu provimento à ação sindical e determinou a remuneração ao casal vencedor, como registra a notícia do Comunique-se, assinada por Francine de Souza e Fernanda Reche. Procurado, o Grupo RBS não se manifestou porque o processo ainda está em análise pelo Departamento Jurídico da empresa. (Coletiva)
Mais conteúdo: Clique aqui para ler a íntegra da notícia.

Nenhum comentário: