Translate

terça-feira, agosto 18, 2009

*Gabriela Leite, criadora da Daspu, terá sua vida adaptada para o cinema. O projeto do longa-metragem sobre a vida da fundadora da ONG, que escolheu ser prostituta e foi estudante de sociologia na Universidade de São Paulo, está a cargo do cineasta Caco Souza, diretor da Manga Rosa Filmes, de Porto Alegre. A obra está na fase de pesquisa para estruturação de projeto. Além da leitura do livro ‘Filha, mãe, avó e puta’, onde Gabriela conta sua trajetória, Caco Souza deve entrevistar amigos e familiares da criadora da Daspu para escrever o roteiro. A ideia é que as filmagens comecem no início de 2011.Essa é a segunda vez que Caco Souza dirige um longa-metragem. O primeiro foi ‘400 contra 1’, ainda em fase de finalização. (Coletiva)

Nenhum comentário: