Translate

quinta-feira, maio 14, 2009

*A revista americana Fortune divulgou que o Google pode estar prestes a se lançar no mercado de jornais dos Estados Unidos, abalado pela crise econômica. As informações são de que a empresa tentou acordos de participação com periódicos como o The New York Times, mas nenhuma das negociações teria tido resultado positivo. O jornal Washington Post anunciou que também está em negociação com o Google e o possível acordo de 'colaboração' incluiria o lançamento de conteúdos na internet.
O interesse do Google no novo negócio pode estar ligado a uma possível ameaça da companhia aos jornais. Na semana passada, uma nota publicada no Google trazia a informação de que o advogado da empresa contestou a ideia e afirmou que o site de buscas ajuda os portais dos jornais a conseguir dinheiro através da publicidade online e que também não utiliza seu conteúdo indevidamente.
O diretor jurídico associado de produtos e propriedade intelectual do site de buscas, Alexander Macgillivray, afirmou que a empresa não prejudica os jornais. "Conduzimos tráfego aos sites e oferecemos publicidade em apoio a todos os modelos de negócios, quer as empresas de notícias optem por hospedar seus artigos conosco ou em seus sites”. Um dia antes da publicação do comentário, a Associated Press, agência de notícias criada há 163 anos e controlada por um grupo de jornais, confirmou a existência de um novo projeto para proteger o conteúdo dos jornais contra o uso indevido na web. (Coletiva.Net)

Nenhum comentário: